Os melhores produtos e projetos de decoração, arquitetura e design para você se inspirar. Fique por dentro dos lançamentos mais bacanas do mercado. Selecione referencias e produtos para montar o seu projeto. Tudo em um só lugar

“Casa Verde”, um bangalô sustentável e de luxo do Felissimo Exclusive Hotel

7 de novembro de 2019
Imagem do projeto

Vidro Habitat garante proteção solar e economia de energia em projeto hoteleiro inovador de Santa Catarina

Os clientes do luxuoso Felissimo Exclusive Hotel, situado há 500 metros da Praia dos Amores, em Balneário Camboriú, Santa Catarina, agora podem escolher se hospedar na Casa Verde, uma suíte de 120 metros quadrados totalmente sustentável, assinada pelo renomado arquiteto Jobim Carlevaro.

A ideia surgiu do diretor e proprietário do Felissimo, Terence Schauffert, que acredita na importância de investir em boas práticas de sustentabilidade na hotelaria, sem abrir mão do conforto e alta tecnologia. O resultado é a Casa Verde – ou, “Casa do Futuro”, como Terence gosta de intitular -, uma suíte que explora a criatividade arquitetônica com a construção em conceito cubista e fechamentos em madeira e fachada envidraçada, criando interação e conexão com a natureza local.

Com investimento de R$ 1,2 milhões de reais, o projeto levou um ano para ficar pronto e contou com parceiros importantes como a Cebrace, maior produtora de vidros e espelhos da América do Sul. Para garantir conforto térmico aos hóspedes e eficiência energética sem abrir mão de um design sofisticado, toda a fachada da Casa Verde recebeu aplicação do vidro de proteção solar para residências da linha Habitat, capaz de barrar até 70% do calor e 99,6% dos raios UV (se forem laminados). A versão Habitat Neutro Incolor foi escolhida devido à sua alta transparência, o que favorece a integração com a natureza exuberante do entorno. Ao serem usados laminados, os vidros ainda oferecem segurança ao local, uma vez que,em caso de quebra, evitam o devassamento do vão e os casos ficariam retidos na película.

“Temos ali vários benefícios aliados: conforto térmico, segurança, redução do consumo de energia e, ainda, um design diferenciado. Os modelos da linha Habitat envolvem nanotecnologia e recebem camadas de óxidos metálicos, como titânio e níquel, que ajudam a reduzir a temperatura interna em até 10 graus, tornando o produto essencial para obras como essa”, afirma a coordenadora da linha, Luciana Teixeira. A grande vantagem, consequentemente, é a redução do consumo de ar-condicionado e luz artificial, responsáveis por boa parte dos gastos de energia.

Para Terence, a parceria com a Cebrace foi fundamental para alcançar a proposta principal do projeto de unir sustentabilidade e conforto: “A Cebrace nos deu uma atenção especial desde o início e me apresentou a maravilhosa linha Habitat com proteção solar e design diferenciado. Com esse vidro, a temperatura da casa diminui na mesma proporção que o consumo de energia também, pois potencializa a eficiência do ar condicionado VRF, evitando que seu consumo seja alto”, explica o diretor do hotel.

Os vidros Habitat também evitam a necessidade de usar cortinas, pois o aproveitamento da luminosidade natural é maior. Com mais luz e menos calor, o ambiente fica com uma temperatura mais confortável. Diferente das películas ou “insulfilms”, que podem ser usados para controle de luminosidade, os Vidros Habitat recebem as camadas de proteção no próprio processo de fabricação do vidro, o que garante durabilidade e alta performance.

Boas práticas de sustentabilidade

Com apoio técnico da Petinelli, consultoria especializada em construções sustentáveis, o próximo passo para a Casa Verde é conquistar a certificação LEED EB O&M, (Operação e Manutenção de Edifícios Existentes), destinada a ajudar proprietários a medirem e maximizarem suas operações, fazerem melhorias e minimizar os impactos ambientais.

Outras soluções foram adotadas para minimizar o impacto ambiental e valorizar a ecoeficiência energética da Casa Verde, como automação inteligente, placas solares para aquecimento de água (com apoio à gás) e fornecimento de energia elétrica, madeiras certificadas, isolamentos acústico e térmico que possibilitam a redução em até 13 graus na temperatura do interior em dias quentes, permitindo assim que os aparelhos de ar-condicionado trabalhem com mais eficiência e baixo consumo.

Segundo Terence, a Casa Verde virou um exemplo tão positivo de gestão sustentável, que pretende expandir essa experiência para todo o restante da estrutura do Felissimo Excusive Hotel. “A gente quis trazer para essa unidade o que há de melhor em termos de sustentabilidade, eficiência energética e consumo de água e deu muito certo. A Casa Verde é o ponto de partida para iniciarmos uma gestão sustentável em todo o hotel”, completa.

Além disso, a suíte Casa Verde se tornou um case importante no mercado hoteleiro sobre a necessidade urgente de mostrar para os empreendedores que adotar boas práticas de sustentabilidade no setor pode aumentar o lucro a médio e longo prazo, não apenas pela economia de gastos, mas principalmente porque as pessoas já estão dispostas a investir mais em empresas que dão uma atenção especial ao meio-ambiente.

Foto: Leonardo Finotti

Produtos

Meber
Misturador Bancada 3006 C 47 AA
+info

COTAR

Rogeart
Lixeira Basculante Redonda
+info

COTAR

Deca
Ducha higiênica Targa - com registro com derivação
+info

COTAR

Deca
Misturador lavatório mesa Cubo
+info

COTAR

Construflama
Churrasqueira Carvão
+info

COTAR

Mac Móveis
Cadeira Ônix
+info

COTAR

Projetos

Bicicleta vira bancada do banheiro neste apartamento

Meu pé de jabuticaba

Brasil colônia