Os melhores produtos e projetos de decoração, arquitetura e design para você se inspirar. Fique por dentro dos lançamentos mais bacanas do mercado. Selecione referencias e produtos para montar o seu projeto. Tudo em um só lugar

Com aumento de idosos, unidades pedem adaptações.

15 de outubro de 2018
Imagem do projeto

Dados recentes do Instituto Brasileiro de Geografia (IBGE) indicam que a população brasileira manteve a tendência de envelhecimento dos últimos anos e ganhou 4,8 milhões de idosos desde 2012, superando a marca dos 30,2 milhões em 2017, um aumento de 18% do grupo etário. Em Barueri e Santana de Parnaíba, a população com 60 anos ou mais cresceu 34,25%, saltando de 28.846 para 38.728, no período citado, de acordo com a Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade).

Nesse cenário, com o aumento da expectativa de vida, o planejamento de imóveis que estejam adaptados às necessidades da terceira idade se torna mais urgente. O projeto de arquitetura e decoração para idosos deve seguir orientações específicas para que a segurança e beleza possam estar presentes nos ambientes.

Como problemas de visão são comuns nesta fase da vida, uma casa banhada por luz natural facilita o cotidiano do morador, de acordo com Carmem Avila, do escritório Carmem Avila Arquitetura. “Portas e janelas devem ser grandiosas para oferecer o máximo de luz dentro da residência. Para complementar, na pintura das paredes, recomendo optar branca ou com tons claros”, conta.

Outra recomendação bastante válida está relacionada à instalação de pontos de luz nos corredores e locais de circulação intensa. Além do teto, a iluminação indireta, na altura do rodapé, ajuda o morador na locomoção noturna.

Evitar desníveis – mesmo que em pequenas escalas –, é outra indicação importante. Caso não seja possível, a sinalização se faz essencial. Para o projeto de escadas, recomenda-se sua execução em piso antiderrapante e sempre acompanhadas por um corrimão firme instalado à altura de 90 cm.

Chão e móveis

O uso de tapete costuma ser fator de quedas e acidentes em residências de moradores da terceira idade. Porém, ele não precisa ser desconsiderado. Em uma sala, o tapete deve estar embaixo do sofá com as pontas fixadas com fitas antiderrapantes. Com relação ao piso, a orientação é escolher por modelos antiderrapantes.

À despeito de móveis, quinas de peças baixas, que ficam fora da visão devem ser evitadas, assim como objetos de decoração. Prateleiras e armários devem seguir a altura dos idosos, para que não precisem se esticar ou subir em escadas quando forem pegar objetos e, no sofá, almofadas colaboram para o ajuste da postura e o auxílio na hora de levantar.

Fonte: Folha de Alphaville

 

 

Produtos

LLUM | Bronzearte
Embutido Architect LED
+info

COTAR

Única Laminados
Linha Decopainel Folhagem
+info

COTAR

Meber
Toalheiro Linear 501 C 37 300mm
+info

COTAR

Deca
Torneira lavatório mesa Duna Clássica Bica Baixa
+info

COTAR

Inovar Esquadrias de Alumínio
Brise móvel
+info

COTAR

Rubinettos
Dosador de Detergente Ref.835
+info

COTAR

Projetos

Décor neutro ganha personalidade com pitadas de cor

Apartamento de 380 m² tem jabuticabeira na área externa

Peças de design e elementos clássicos se mesclam neste projeto paraense