Os melhores produtos e projetos de decoração, arquitetura e design para você se inspirar. Fique por dentro dos lançamentos mais bacanas do mercado. Selecione referencias e produtos para montar o seu projeto. Tudo em um só lugar

Baixe agora mesmo o App Kaza e tenha acesso a um conteúdo exclusivo.

App store




DECORAÇÃO

Pop Erudito

No apartamento paulistano de bases projetadas pela legendária arquiteta Janete Costa, os jovens Luiz Otávio Debeus e Thiago Seferian colocam rigor formal e artesanías em pé de igualdade


Por: André Rodrigues

Para entender esse projeto é preciso rebobinar o legado da pernambucana Janete Costa (1932-2008), arquiteta e designer (de interiores e de produtos) que, entre tantas conquistas, nos ensinou a valorizar o popular dentro de casa: “O artesanato aquece e embeleza os ambientes, não se trata apenas da alternativa barata”, defendia o hi-low décadas antes do termo ser cunhado. Figura de proa da arquitetura brasileira, quem conviveu com ela atesta: “Janete foi uma grande incentivadora da cultura popular, que trazia para suas ambientações”, conta Eduardo Felipe Fernandes, sócio de Wair de Paula no Gabinete D.

“Mulher culta, inquieta, contadora de histórias, amiga de Burle Marx e Joaquim Tenreiro, era profunda conhecedora de arte sacra”, completa, como que fazendo referência à pintura cusquenha do século 19 que escolta a mesa de jantar desse apartamento paulistano projetado por Janete Costa e com design de interiores atualizado por Luiz Otávio Debeus e Thiago Seferian. “Aqui mora um casal que tem uma família enorme, então o fluxo de pessoas é muito intenso”, conta Luiz Otávio. “Por isso criamos espaços de circulação com móveis soltos. O living, por exemplo, tem praticamente um único eixo de sofá com bancos e uma ilha no meio. É um espaço aconchegante e confortável”, resume.

Os 800 metros quadrados em bairro nobre paulistano são divididos em cinco dormitórios, sala de jantar, home theater, hall de entrada e estar – o clímax da casa, com peças customizadas como o par monumental de poltronas Voltaire de Sergio Rodrigues e lareira ousadíssima, revestida em espelho executado em verre églomisé para um efeito visual imbatível, reverberando a máxima de que a diferença está nos detalhes. Janete Costa, por exemplo, era obcecada por eles: se não encontrasse na produção industrial o que imaginava para um ambiente, ela própria desenhava os elementos que faltavam – do mobiliário aos acessórios e iluminação.

Com Luiz Otávio e Thiago Seferian foi mais ou menos por aí também: a poltrona Artefacto ganhou tecido zebrado da Entreposto, a mesinha de metal e prata ao lado do sofá no living é de autoria do escritório, e até a porta da sala de jantar foi desenhada por eles e ganhou nova roupagem, literalmente, de couro e tachas sob medida, com puxadores elegantérrimos em acrílico. Essa mistura do high com o low, do ontem com o hoje, do rigor formal com a imperfeição do feito à mão – tipo a coleção de vasos de murano da dona do pedaço – ecoa em alto e bom som os ensinamentos deixados pela “Escola Janete Costa”.


PRODUTOS RELACIONADOS

Empório Beraldin
Cadeira Capri
+info

COTAR

Rogeart
Lixeira slim redonda vazada
+info

COTAR

Inovar Esquadrias de Alumínio
Janela com persiana integrada
+info

COTAR

Deca
Torneira lavatório mesa Spot
+info

COTAR


PROJETOS RELACIONADOS